Com A Recessão, Geração E Enfrenta Ainda Mais Dificuldades No Mercado De Serviço

Rio - Professor da Instituição da de Magistratura do Rio de Janeiro (Emerj) há dez anos, advogado especialista em Correto Público, com expertise em concurso, Correto de Família, autor de 7 livros e homossexual assumido. Este é o perfil do advogado Sérgio Camargo, 45 anos, um dos 38 candidatos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-RJ) que concorrem à vaga de desembargador do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

Advertisement

O doutor Camargo almeja ser o primeiro desembargador assumidamente gay dos tribunais brasileiros. A Constituição Brasileira, no post 94, instaura que um quinto dos desembargadores de todos os tribunais do nação — incluindo os regionais federais — sejam indicados pelo Ministério Público e na OAB. A exemplo de seus concorrentes, Camargo atende a todos os requisitos exigidos para disputar a vaga. Porém, o episódio de ser gay e militante da circunstância homoafetiva pode pesar na possibilidade.

  • Um VULNERABILIDADE DO EGRESSO: FATORES QUE CONTRIBUEM
  • Escrita científica: Geração de Postagens de Grande Embate, da USP
  • 8/11 (Thomas Lee/Bloomberg)
  • 1BELTRANO3 (pág. 123) afirma que “blá blá blá, blá blá blá e blá blá blá”

E ele sabe disso. “Acho muito difícil que, em meu tempo de vida, visualize um magistrado desta magnitude, de segunda instância, assumidamente gay. Todavia vou concorrer, irei guerrear a interessante guerra, como a todo o momento fiz. FHC Confirma Contrato Com Brasif O Dia minha charada homoafetiva é uma característica minha. De nada adianta tentar esconder”, declarou ao DIA. Pra chegar lá, Camargo primeiro necessita ser escolhido pelos 80 conselheiros efetivos da Ordem para inserir uma tabela sêxtupla, que é enviada ao TJ.

Advertisement

No tribunal, precisa ser selecionado pelos 180 desembargadores para uma relação tríplice, que vai para o governador do Estado. Caberá a Luiz Fernando Pezão nomear, em vista disso, o novo desembargador, que vai ocupar a vaga aberta pela aposentadoria do magistrado Jorge Luiz Habib. Em tese, o Estado precisa coibir qualquer forma de preconceito. Expõe-se à Segunda Pessoa Do Discurso /p>

Contudo o evento de ser gay não vai apavorar? Centro Cultural Apresenta Vida A área Tombada Pela Penha - Morar acordo com o presidente da OAB-RJ, Felipe Santa Cruz, os 6 nomes serão escolhidos numa sessão do conselho seccional, que ainda será marcada. Pelo regulamento da Ordem dos Advogados, entram na tabela os candidatos que obtiverem metade mais um dos votos dos presentes.

Advertisement

Grupos que militam em defesa da população LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros) apoiam a candidatura do advogado Sérgio Camargo e torcem pra que ele seja nomeado. Para o presidente do Grupo Pela Vidda-RJ, Marcio Villard, é muito sério que Camargo consiga o posto de desembargador. “Em geral LGBTs preferem não ter visibilidade pra não interceder em suas carreiras e funções, lamentavelmente não temos uma cultura de direitos e sim de valores”, ponderou.

Carlos Tufvesson, coordenador especial da Diversidade Sexual da Prefeitura do Rio de Janeiro e responsável por programa municipal Rio Sem Preconceito, acredita que Camargo poderá fazer a diferença no Judiciário. “Para a sociedade representa bastante. Mesmo admitindo que sua indicação sexual possa ser um empecilho, Camargo faz planos. “Há diversos desembargadores inclinados ou voltados à conexão homoafetiva, no entanto não há nenhum que de fato se predisponha a proteger o clamor dessa minoria perante o tribunal”, reclama. “O juiz da Vara Cível trata de condomínio, batida de carro, disputa de vizinho. É um juiz com toda a sua técnica e excelência, no entanto é um juiz generalista, de todas as relações privadas”.

Advertisement

Na sua avaliação, o Congresso Nacional está omisso pela questão da homoafetividade. “Inclusive, votou o Estatuto da Família, retirando toda forma diferente que não homem, mulher e prole da informação de família. É um retrocesso secular”. Quem Podes Matar Uma Criancinha? , a criação de varas de famílias homoafetivas poderia ser uma iniciativa dos deputados e senadores. Mas ele não tem expectativa de que algum parlamentar se importe com o tópico. “Então é uma maneira de o Tribunal, alterando teu regimento interno, ir a argumentar a questão destas famílias não nas varas genéricas de Família, todavia sim na vara específica”, defende.

Ele é muito mais fundamental que um perfil no Facebook ou no Instagram, porque vai trazer todas os dados do negócio junto com a sua identidade visual. Considere desenvolver o teu, de graça! Promoção de consultorias on-line: procure responder aos compradores da maneira mais funcional pra eles, seja presencialmente ou por ferramentas de video como Skype, tais como.

Share This Story

Get our newsletter